Plano de Investimento para a Europa

"Plano Juncker"

É um plano estratégico de investimentos para o período 2014-2020. Pretende eliminar os obstáculos ao investimento, garantir a visibilidade e a assistência técnica dos projetos de investimento e utilizar de forma mais inteligente os recursos financeiros.

Investment Plan for Europe - Invest EU

Desde que a crise económica e financeira mundial eclodiu, a UE regista níveis baixos de investimento. São necessários esforços coletivos e coordenados a nível europeu para inverter esta tendência negativa e colocar a Europa na senda da recuperação económica. Os recursos adequados existem, mas é necessário mobilizá-los em toda a UE para apoiar o investimento. Não existe uma resposta única e simples ou um botão em que se possa carregar para acionar o crescimento, nem uma solução universal.

O Plano de Investimento para a Europa, também conhecido como Plano Juncker, tem três objetivos: eliminar obstáculos ao investimento, garantir a visibilidade e a assistência técnica dos projetos de investimento e utilizar de forma mais inteligente os recursos financeiros. O plano tem, portanto, três pilares:

 

  1. Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos (FEIE) - visa incentivar o investimento privado, através de uma garantia da UE. O Banco Europeu de Investimento (BEI) é o parceiro estratégico da Comissão.

  2. Plataforma Europeia de Aconselhamento ao InvestimentoPortal Europeu de Projetos de Investimento - prestam assistência técnica e dão mais visibilidade às oportunidades de investimento, permitindo que os projetos de investimento se tornem realidade. A plataforma é uma empresa comum com o Grupo BEI.

  3. Melhoria do ambiente empresarial mediante a eliminação dos obstáculos regulamentares ao investimento, tanto a nível nacional como a nível da UE.

 

Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos (FEIE)

O FEIE é o pilar central do Plano de Investimento para a Europa. O seu objetivo é lutar contra a falta de confiança e de investimentos que resultou da crise económica e financeira e utilizar a liquidez nas mãos de instituições financeiras, empresas e indivíduos num momento em que os recursos públicos são escassos.

A Comissão colabora com o seu parceiro estratégico, o Grupo do Banco Europeu de Investimento (BEI). O FEIE apoia investimentos estratégicos em domínios fundamentais, como as infraestruturas, a eficiência energética e as energias renováveis, a investigação e a inovação, o ambiente, a agricultura, a tecnologia digital, a educação, a saúde e os projetos sociais. Além disso, ajuda as pequenas empresas em fase de arranque a crescer e a expandir-se através da disponibilização de financiamento de risco.

O FEIE é uma garantia do orçamento da UE que dá ao Grupo BEI uma proteção contra perdas de primeiro grau, permitindo-lhe disponibilizar financiamento para projetos de risco mais elevado do que o normal. A decisão de considerar um projeto elegível para o apoio do FEIE é tomada por comité de investimento independente que utiliza critérios estritos. Não existem quotas por setor ou por país. O financiamento é puramente baseado na procura.

investimento

O objetivo é contribuir para aumentar a visibilidade e as oportunidades de financiamento de projetos de investimento em toda a (...)

European Investment Advisory Hub

O objetivo é prestar assistência técnica e aconselhamento personalizado aos promotores públicos e privados de projetos.