Empregos - Como concorrer

Preencher formulário

Funcionário público na União Europeia

Como concorrer

Existem dois tipos de concurso para seleção e recrutamento de funcionários para as Instituições e Organismos da União Europeia: concursos para funcionários permanentes (carreira geral) e concursos para funcionários não permanentes (agentes temporários, agentes contratuais, peritos nacionais destacados e especialistas).

Carreira geral

Os candidatos podem concorrer a lugares permanentes para as Instituições da União Europeia, através de concursos gerais de acesso, cujo processo de seleção está a cargo do Serviço Europeu de Seleção de Pessoal – EPSO.

São organizados pelo EPSO concursos anuais para seleção de futuros funcionários, destinados às várias categorias, complementados por concursos individuais para especialistas.

Quando

O EPSO tem previsto um calendário indicativo de abertura de concursos:

Administradores (AD5): primavera

Tradutores/Intérpretes (AD): verão

Juristas-linguistas (AD7): primavera/outono

Assistentes (AST): Inverno

Os concursos para Especialistas são publicados com carácter não regular, de acordo com as necessidades das Instituições Europeias.

Concursos gerais:

Os concursos EPSO dividem-se em 3 fases de seleção eliminatórias. As duas primeiras são efetuadas online e a terceira é realizada de forma presencial:

  • Processo de candidatura;
  • Testes de Escolha Múltipla em Computador (TEMC) – avaliam o raciocínio verbal, o raciocínio numérico e o raciocínio abstrato e incluem uma prova de situação, que avalia a resiliência do candidato e a sua capacidade de lidar com situações complexas, nomeadamente no âmbito da gestão de recursos humanos;
  • Provas presenciais, no Centro de Avaliação (Bruxelas ou Luxemburgo) – avaliam competências específicas: Análise e Resolução de Problemas, Comunicação, Qualidade e Resultados, Aprendizagem e Desenvolvimento Pessoal, Estabelecimento de prioridades e Capacidade de Organização, Resiliência, Espírito de Equipa, Liderança.

1ª fase - Processo de candidatura

Verifique cuidadosamente se preenche as condições de inscrição e admissão, seja claro e preciso, tendo em consideração que os concursos se dirigem a candidatos fortemente motivados para o desenvolvimento de uma carreira cheia de desafios; com uma boa capacidade analítica, organizacional e de comunicação; que desejem marcar a diferença e contribuir para o projeto de construção europeia e com capacidade para trabalhar numa equipa multicultural.

  • Leia atentamente o anúncio e as Disposições gerais aplicáveis aos concursos gerais;
  • Registe-se no sítio EPSO para criar a sua conta (só pode ter uma conta);
  • Preencha o formulário de candidatura seguindo os procedimentos recomendados;
  • Confirme e valide a sua inscrição por via eletrónica no prazo requerido.

2ª Fase - Testes de Escolha Múltipla em Computador (TEMC)

  • Consulte com regularidade o sítio EPSO, pois pode vir a ser contactado para marcar dia e hora para realização dos TEMC; em Portugal, são organizados pela empresa PROMETRIC e são realizados em Lisboa;
  • Treine o mais que puder; estes testes de escolha múltipla efetuados por computador são de raciocínio verbal, numérico e abstrato e são efetuados na língua 1. Convém saber solucionar estes testes e adquirir destreza na sua solução.

3ª Fase – Centro de Avaliação, em Bruxelas ou no Luxemburgo

Se tiver sido um dos selecionados nos TEMC será convidado a prosseguir a sua candidatura. Esta etapa poderá implicar um dia inteiro de provas presenciais, em Bruxelas ou no Luxemburgo, dependendo do tipo de concurso. A avaliação decorrerá na língua 2 do candidato, exceto para os perfis que exigem competências linguísticas específicas.

Em função do tipo de concurso, as provas de avaliação podem ser: entrevista estruturada, estudo de caso, exercício de grupo, apresentação oral ou uma entrevista de motivação.

A avaliação dos linguistas centrar-se-á nas suas competências linguísticas.

Poderá ainda existir um exercício intermédio, e-tray, que consiste na gestão de mensagens recebidas por correio eletrónico (simulação de uma situação de trabalho).

Por último, os candidatos que tiverem passado estas fases, os laureados, inserem-se numa lista de reserva válida geralmente por um ano, podendo ser prorrogada; contudo, o facto de aí estar inscrito não é garantia de recrutamento.

Concursos para funcionários não permanentes

(agentes temporários, agentes contratuais, peritos nacionais destacados e especialistas)

O EPSO abre também concursos para funcionários temporários, agentes contratuais (CAST) ou para especialistas, que se processam diferentemente dos concursos gerais. Estes concursos são publicados com carácter não regular, de acordo com as necessidades das Instituições e Organismos Europeus. Sugere-se a consulta regular ao Website EPSO, de forma a conhecer todas as oportunidades que estão abertas, ou cuja candidatura se prevê vir a abrir.

Leia o anúncio e verifique se tem os requisitos indispensáveis e qual o procedimento concursal, provavelmente menos complicado e menos moroso do que o procedimento dos concursos da carreira geral.