Empreende XXI

Apoio à criação e desenvolvimento de novos projetos empresariais por jovens à procura do primeiro emprego e desempregados inscritos no Instituto do Emprego e da Formação Profissional

Empreender XXI

A medida Empreende XXI vem no seguimento do Programa de Estabilização Económica e Social, e em complemento às medidas de política ativa de emprego já em vigor, indo, assim, ao encontro dos objetivos da política de emprego, relativos ao apoio ao empreendedorismo e à criação de postos de trabalho.

Objetivos

Esta medida consiste num apoio à criação e desenvolvimento de novos projetos empresariais por jovens à procura do primeiro emprego e desempregados inscritos no Instituto do Emprego e da Formação Profissional, I. P. visando:

  • Apoiar a criação de empresas;

  • Promover a implementação de projetos em áreas inovadoras;

  • Fomentar o desenvolvimento de atividades empreendedoras em ambientes colaborativos.

Tipo de apoio concedido

  • Apoio financeiro ao investimento elegível para a criação de empresas;

  • Apoio financeiro à criação do próprio emprego;

  • Formação profissional adequada à criação de empresas e do próprio emprego, sempre que necessário;

  • Mentoria e consultoria especializada na área do empreendedorismo para reforço de competências e para a estruturação e consolidação do projeto;

  • Possibilidade de instalação em incubadoras, sempre que necessário.

Destinatários

  • Jovens à procura do primeiro emprego, com idade entre os 18 anos e os 35 anos, inclusive, que nunca tenham prestado atividade ao abrigo de um contrato de trabalho sem termo;
  • Jovens desempregados, com idade entre os 18 anos e os 35 anos, inclusive, incluindo os que não se encontrem a estudar nem a frequentar formação;

  • Outros desempregados inscritos, incluindo os que reúnam condições para ser destinatários da medida Apoio ao Regresso de Emigrantes a Portugal, regulada pela Portaria n.º 214/2019, de 5 de julho, na redação atual, salvo no que respeita à celebração de contrato de trabalho por conta de outrem, e respetivos membros do agregado familiar.
     

Esta medida  é executada pelo IEFP, I. P., em parceria com a Startup Portugal, Associação Portuguesa para a Promoção do Empreendedorismo.


Destaques

Legislação