INTERREG ESPON

Espon

Descrição Inicial

O programa de cooperação ESPON 2020 produz uma investigação pan-europeia ao fornecer informação científica às autoridades públicas e aos atores a todos os níveis através da investigação e análise territorial. O objetivo global do ESPON 2020 é apoiar o desenvolvimento das regiões em conformidade com a Política de Coesão da União Europeia (UE), bem como as políticas nacionais de desenvolvimento, garantindo que as cidades e regiões de toda a Europa estejam bem informadas.

Visa também promover e fomentar uma dimensão territorial europeia no desenvolvimento e na cooperação, fornecendo provas, transferência de conhecimentos e aprendizagem de políticas às autoridades públicas e a outros atores políticos a todos os níveis. O seu objetivo central é apoiar o reforço da eficácia da coesão da UE.

Quem é abrangido pelo programa?

Todos os Estados-Membros da União Europeia e todas as suas regiões são abrangidos. Além disso são também considerados Estados terceiros como Islândia, Liechenstein, Noruega e Suíça.

Objetivos gerais de atuação


O ESPON 2020 prosseguirá a consolidação de uma Rede de Observatórios Territoriais Europeus e fará crescer o fornecimento e a utilização política de provas territoriais pan-europeias, comparáveis, sistemáticas e fiáveis. Foca-se no objetivo temático "Reforçar a capacidade institucional" sem deixar de dar relevância à dimensão territorial dos restantes objetivos relevantes.

Pretende focar-se em políticas e programas setoriais ao abrigo dos fundos europeus de investimento estrutural (ESI), bem como políticas nacionais e regionais de desenvolvimento territorial, através da produção, divulgação e promoção de provas territoriais abrangendo todo o território dos 27 Estados-Membros da UE, do Reino Unido e dos 4 Estados Parceiros da Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suíça.

Grupos destinatários

  • responsáveis políticos europeus, em particular no domínio da Política de Coesão, bem como de outras políticas e programas setoriais e temáticos relevantes, particularmente aqueles que não articulam plenamente a sua abordagem territorial.
  • responsáveis políticos nacionais e profissionais responsáveis pela coesão territorial, as estratégias macro-regionais e a preparação e implementação da Política de Coesão a nível nacional
  • autoridades que implementam programas de financiamento do ESI e que preparam relatórios periódicos.
  • responsáveis políticos regionais e locais e profissionais responsáveis pelo desenvolvimento e planeamento territorial envolvidos na cooperação transfronteiriça, transnacional e macro-regional.
  • organizações que promovem diferentes interesses regionais/urbanos a nível da União Europeia
  • académicos universitários, tanto investigadores como estudantes, como futuros decisores.
  • o setor privado e o público europeu em geral.

Temáticas Políticas no Âmbito das quais o programa atua

  • Economia Regional e Local
  • Política Social e Cultural 
  • Desafios Ambientais
  • Fluxos e Interação económica
  • Desenvolvimento Urbano
  • Desenvolvimento Rural
  • Funções Transfronteiriças e Macro-regiões 
  • Modelos de Governação
  • Soluções Específicas e Instrumentos de Política