Mobilidade Cooperativa, Conectada e Automatizada

Parceria Europeia

Acelerar a implementação de novas soluções de mobilidade com maior segurança, menor impacto ambiental e inclusividade, é o objetivo desta parceria.

Parceria Europeia para a Mobilidade Conectada, Cooperativa e Automatizada.

A «Parceria Europeia para a Mobilidade Conectada, Cooperativa e Automatizada» (CCAM) tem como objetivo acelerar a implementação de tecnologias e serviços de mobilidade inovadores, conectados, cooperativos e automatizados. 

Até 2030, a parceria pretende alcançar conceitos de mobilidade inclusivos, orientados para o utilizador, capacitados com maior segurança e uma pegada de carbono reduzida. Pretende-se tornar a Europa num líder mundial na implantação de mobilidade ligada e automatizada para pessoas e bens.

Integra o Pilar II - Desafios Globais e Competitividade Industrial Europeia do Programa Horizonte Europa e o Cluster 5: Clima, Energia e Mobilidade.

Parceria

A parceria europeia tem dois membros essenciais dos setores público e privado:

Setor Público:

  • Comissão Europeia, em representação da União Europeia

Setor Privado:

  • "Connected, Cooperative and Automated Mobility Association" (CCAM Association) que reúne mais de 180 acionistas privados no setor e domínio da mobilidade ligada, cooperativa e automatizada.

Orçamento

O orçamento desta parceria, para o período 2021-2030, prevê cerca de mil milhões de euros. Estes subdividem-se em dois financiadores essenciais:

  • A Comissão Europeia prevê dedicar até 500 milhões de euros;
  • Os parceiros privados contribuirão também com 50% do financiamento, ou seja, 500 milhões de euros. O seu papel será também de contribuir para a identificação das prioridades, das atividades de investigação e inovação, bem como na definição dos tópicos dos convites a serem incluídos nos Programas de Trabalho do Horizonte Europa.

Objetivos

Objetivos gerais:

  • Permitir a coexistência segura e eficaz entre o tráfego convencional automatizado e o não automatizado durante um período de transição, contribuindo, progressivamente, para a redução do número de fatalidades no transporte rodoviário;
  • Aumentar a eficiência dos fluxos de transporte (pessoas e mercadorias), contribuindo para  uma melhor utilização da capacidade das infraestruturas e da preservação do espaço público, reduzindo simultaneamente as emissões dos transportes e o congestionamento;
  • Tornar a Europa um líder mundial no desenvolvimento e implantação de mobilidade automatizada, para pessoas e bens, com investimentos a longo prazo mais focados em I&D;
  • Apoiar a criação, difusão e capitalização do conhecimento para acelerar o desenvolvimento e melhoria de soluções.

Objetivos específicos:

  • Apostar na segurança, melhoria da robustez e resiliência das tecnologias e dos sistemas CCAM;
  • Interação segura e de confiança entre os utilizadores das estradas, veículos, infraestruturas e serviços, de forma a atingir fluxos de transporte mais seguros e eficientes, numa melhor utilização da capacidade infraestrutural europeia;
  • Elevar a aceitação pública e a adoção da solução CCAM até 2030 com uma clara compreensão dos seus benefícios e limites, bem como dos seus efeitos de ricochete;
  • Melhorar a coordenação das ações públicas e privadas de I&D, bem como realizar testes em larga escala em planos de implementação destas inovações na Europa.

Documentos relevantes

Memorandum of Understanding (June 2021)
707.55 KB
Draft proposal for a European Partnership under Horizon Europe Connected, Cooperative and Automated Mobili (version 13.05.2020)
1.85 MB
Strategic Research & Innovation Agenda - Connected Cooperative Automated Mobility
2.37 MB
Partnership Fiche Connected, Cooperative and Automated Mobility
579.57 KB