Prémio "Capital Verde da Europa"

Prémio "Capital Verde da Europa" e "Folha Verde da Europa"

A Comissão lança o concurso para a seleção da Capital Verde da Europa. O prémio é atribuído a uma cidade europeia com mais de 100 000 habitantes que tenha demonstrado esforços na adoção de políticas e estratégias que melhorem os padrões ambientais e que promovam um desenvolvimento sustentável para o futuro.

 

Objetivos

  • Premiar cidades que tenham um registo consistente em alcançar altos padrões ambientais;
  • Encorajar cidades a alcançar objetivos ambiciosos no que diz respeito a melhorias ambientais e desenvolvimento sustentável;
  • Proporcionar um modelo para inspirar outras cidades e promover boas práticas e experiências em todas as cidades europeias.

 

Destinatários

O prémio destina-se a cidades com mais de 100.000 habitantes dos Estados-Membros da UE, dos países candidatos à União Europeia, da Islândia, do Liechtenstein, da Noruega e da Suíça.
Nota: em países cujas cidades não tenham mais de 100 000 habitantes, a maior cidade é elegível a participar.

 

Como participar

As candidaturas são feitas através do preenchimento de um formulário de candidatura em linha até ao dia 14 de Outubro de 2019.

 

Prémio

Os prémios concedidos à cidade vencedora são:

  • Atribuição do título de Capital Verde Europeia 2022
  • Conceção de um incentivo financeiro2 de EUR 350.0003 à cidade vencedora.

 

Vencedores 2020

A cidade vencedora do Prémio Capital Verde da Europa 2020 foi Lisboa. Para além do título, Lisboa recebeu 350 000 EUR de incentivo financeiro da Comissão Europeia.

 


Esta informação não dispensa a consulta do regulamento oficial. Os pedidos de informação devem ser dirigidos à respetiva entidade, cujo contacto se encontra acima indicado.